Plano de ação baseado na análise SWOT para abrir empresa em Portugal

A análise SWOT permite ao empreendedor migrante antever ameaças e oportunidades e, com base nelas, criar um plano de ação que pode fazer a diferença na hora de abrir empresa em Portugal.

A análise SWOT é muito conhecida nas grandes empresas como ferramenta para a análise do ambiente de negócios. Apesar de comum no mundo das grandes corporações ela também tem grande utilidade para quem quer abrir empresa em Portugal.

O termo SWOT é uma sigla que em inglês significa Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças). Em resumo a ferramenta permite ao empreendedor migrante perceber quais as suas forças e fraquezas e quais as oportunidades e ameaças no cenário onde pretende atuar.

Com base nesta análise é possível criar um plano de ação para abrir empresa em Portugal ou melhorar a forma como o seu negócio funciona.

Nós já falamos um pouco sobre SWOT neste artigo, agora vamos ver como podemos usar o SWOT para abrir um negócio em Portugal.

analie-swot-empreendedor-migrante

A análise SWOT para abrir empresa em Portugal

Strengths: Como identificar as suas forças

As forças são capacidades e características que tornam o seu negócio melhor que de seus concorrentes. Ter uma receita exclusiva, estar localizado em uma rua de grande movimento, prestar um excelente atendimento, possuir bons recursos financeiros, são alguns exemplos de pontos fortes que um negócio pode ter.

Para identificar quais os pontos fortes do seu negócio basta responder à pergunta: o que é que o meu negócio, ou projeto de negócio, têm de melhor ou que faz muito bem?

Porém, quando se trata de abrir empresa em Portugal, é preciso pensar este ponto com mais cuidado. Uma dica é procurar negócios concorrentes e notar o que eles tem de bom, para validar se os seus pontos fortes são de fato diferenciais em meio a concorrência.

Alguns exemplos de forças que os empreendedores migrantes têm:

  • Experiência no setor em outro país para trazer inovação;
  • Capacidade em prestar um bom atendimento;
  • Motivação para inovar.

Weaknesses: Como identificar as suas fraquezas

Uma parte extremamente delicada, pois em geral os empreendedores não reconhecem muitas de suas fraquezas. Não ter experiência na área onde irá atuar, não ter recursos suficientes, ter problemas de organização ou precisar desenvolver recursos que seus concorrentes já possuem, são exemplos de fraquezas que um empreendedor migrante pode ter.

Uma maneira de identificar as fraquezas de um negócio é perguntando para outra pessoa quais os problemas que ela vê em seu plano de negócios.

Exemplos de fraquezas dos empreendedores migrantes:

  • Falta de planejamento do negócio;
  • Falta de recursos ou a necessidade de trabalhar e empreender;
  • Falta de experiência na área de atuação;
  • Desconhecimento do mercado;
  • Falta de parcerias e de fornecedores.

Opportunities: Como identificar oportunidades

As oportunidades são fatores externos ao seu negócio que lhe permitem ganhar vantagens ou explorar novas possibilidades. Uma tendência de consumo, uma mudança econômica, datas comemorativas, entre outros fatores, são considerados oportunidades, pois permitem ao empreendedor migrante tomar novas ações que normalmente não são possíveis.

Este é, sem dúvida, um dos pontos-chave para quem quer abrir empresa em Portugal. Identificar quais as oportunidades que estão ocorrendo e quais as que estão por vir pode fazer a diferença na hora de abrir e alavancar o negócio.

Algumas dicas para identificar oportunidades:

  • Busque estatísticas: identifique quais setores da economia, produtos à venda, buscas na internet, entre outros, estão em crescimento ou não;
  • Pense nas consequências: tudo o que acontece gera uma consequência e isso pode gerar uma oportunidade de negócio. Uma nova tecnologia pode criar novas oportunidades.
  • Saia da rotina: Crie a relações de coisas antes não associadas, como por exemplo: cafeteria + espaço de trabalho = modelo de negócios da Starbucks.

Threats: Como identificar as ameaças

As ameaças são o oposto das oportunidades, pois não permitem que o empreendedor migrante aproveite uma situação, mas representam um risco para o seu negócio. Mudanças na legislação, fatores climáticos, sazonalidades, tendências de mercado, tudo pode ser uma ameaça.

Em um país estrangeiro elas podem ser ainda mais difíceis de se perceber, algumas dicas para identificar ameaças:

  • Ciclos econômicos: saiba como anda a economia do país para onde pretende mudar, veja se ela é estável ou se costuma passar por mudanças de tempos em tempos;
  • Legislação: conhecer um pouco da legislação do país para onde vai é importante, mas também que tipo de discussões estão ocorrendo e como elas podem impactar as leis e o seu plano de negócios;
  • Tecnologia: novas tecnologias chegam a todo o momento e podem tornar obsoletos modelos de negócios inteiros do dia para a noite. Em certos países a tecnologia pode chegar mais rápido do que em outros.
  • Tendências de consumo: o que é interessante em um país, pode não ser em outro, assim como o que é novidade pode variar em cada nação. Pesquisar é fundamental para identificar estas diferenças e considere sempre buscar um consultor de negócios.

Algumas perguntas para você formular o seu SWOT:

Pensando nisso, criamos algumas perguntas que todo empreendedor migrante deveria responder para fazer uma análise SWOT de seu futuro negócio.

Forças e fraquezas:

  • O que você faz de melhor? Isto é um diferencial no país para onde pretende ir?
  • Como é a concorrência no mercado que pretende atuar?
  • Quais os recursos que você já tem para empreender? São suficientes ou precisará recorrer a empréstimos ou investidores?
  • Conseguirá se dedicar a tempo inteiro ao seu negócio ou precisará de um trabalho para se sustentar?
  • Qual a inovação que o seu negócio irá trazer para o mercado português?
  • Dispõe de todos os recursos, equipamentos, técnicas e de experiência para abrir o seu negócio ou precisará se capacitar e adquirir recursos?

Ameaças e oportunidades

  • O seu negócio já existe em no país de destino? O que tem de diferente da concorrência? Se não existe, é porque é inovador ou é algo que não faz muito sucesso por lá?
  • Como as leis e a cultura de Portugal podem ajudar ou prejudicar o seu negócio?
  • A tecnologia pode ajudar ou atrapalhar o seu empreendimento? 
  • Quais as tendências de consumo que estão em alta? Elas são novas ou estão a ficar no passado?

Pense nestas e em mais questões. Elas irão lhe ajudar a perceber todo o cenário com que você terá de lidar quando iniciar suas atividades. E lembre-se de pedir ajuda e perguntar a opinião dos outros, esta é a melhor forma de perceber oportunidades, fraquezas e ameaças que o otimismo do empreendedor pode não perceber.

Aplicando o SWOT: Plano de ação para abrir empresa em Portugal

Agora que você já respondeu à todas estas questões é hora de tomar providências para aproveitar as forças e oportunidades, diminuir as fraquezas e evitar as ameaças.

A aplicação é simples e consiste em criar tarefas e planos para cada um dos pontos levantados na análise, por exemplo:

  • Forças: Quais ações deve tomar para garantir que esta força continue sendo um diferencial contra a concorrência?
    • Exemplo de força: atendimento personalizado.
    • Ação: ministrar um treinamento para cada novo colaborador, para que eles mantenham um elevado padrão de atendimento.
  • Fraquezas: Quais as tarefas que posso realizar para corrigir ou diminuir as minhas fraquezas?
    • Exemplo de fraqueza: falta de experiência no negócio.
    • Ação: Procurar treinamentos e capacitação na área de atuação pretendida.  
  • Oportunidades: Quais tarefas, parcerias e planos tenho de ter para aproveitar essas oportunidades? E o que posso fazer para aproveitá-las e ainda ser um diferencial da concorrência?
    • Exemplo de oportunidade: o mercado de turismo está a crescer em Portugal.
    • Ação: desenvolver ou adaptar um produto para que atenda a este mercado.
  • Ameaças: O que posso fazer para mitigar o efeito de uma ameaça caso ela ocorra? Quais são os planos B, C e D que tenho nestes casos?
    • Exemplo de ameaça: mercado com muita concorrência.
    • Ação: Buscar uma consultoria de negócios em Portugal que me ajude a encontrar um nicho neste segmento que seja lucrativo e menos explorado.

Pronto! Agora você já tem uma visão do cenário no qual pretende atuar e uma lista de tarefas que vão te ajudar a melhorar, aproveitar oportunidades e evitar ameaças.

Procure saber para além de sua visão.

Se você está em outro país, perceber vários detalhes do mercado pode ser complicado e pode colocar o seu plano de abrir empresa em Portugal em risco.

A Business Portugal oferece serviços de consultoria e acompanhamento na abertura de empresas em Portugal, para ajudar você a desenvolver um negócio que esteja de acordo com a realidade do mercado português, diminuindo os riscos e tropeços que uma mudança de cultura pode trazer.

Saiba mais sobre a nossa consultoria de negócios em Portugal e sobre o Plano de Negócios para empreendedor migrante, e descubra que empreender fora do Brasil é um sonho possível, basta planejamento.

Saiba como empreender em Portugal!

Conver-se conosco para saber como empreender em Portugal.

Agendar consulta de levantamento de perfil

Siga-nos:



Um comentário sobre “Plano de ação baseado na análise SWOT para abrir empresa em Portugal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.